logo_final_comprida.jpg

 

Tópico: Projetos relacionados à  "Metodologia, pesquisa e ensino"

 

Nesta parte estão colocados alguns dos projetos que investigam metodologias, técnicas de pesquisa e ensino, assim como avaliação de processos ensino-aprendizagem relacionados à Geografia e, em especial, à Geografia da Saúde.                             

 

Títulos:

 

1. Desafios e potencialidades do trabalho de campo nos cursos de Geografia das Instituições de Ensino Superior da Paraíba (2012-2013);

2. Conhecimento geográfico aplicado aos roteiros de campo em Geografia  da Saúde no município de Campina Grande - PB (2013-2014);

3. Desafios e potencialidades do trabalho de campo nos cursos de Geografia em Instituições de Ensino Superior (2014-2015);

4. Conhecimento geográfico aplicado aos roteiros de campo em Geografia da Saúde no município de Campina Grande - PB (2015-2016);

5. Teorias aplicáveis à Geografia  da Saúde: uma revisão da literatura (2016-2017);

6. Situação do grupo de pesquisa em Geografia para Promoção da Saúde em relação aos grupos de pesquisa em Geografia e saúde no Brasil (2019-2020);

7. Trajetórias epistemológicas da geografia: uma análise do conceito de território nos estudos agrários (2019-2020)

8. Diferentes olhares da Geografia no Simpósio Nacional de Geografia da Saúde no período entre 2003 e 2019 (2020-2021);

9. Plataforma digital relacionada a Geografia da Saúde: um espaço de comunicação científica virtual (2020-2021).                      

 

Título:

PIBITI

Modalidade:

2020/ 2021

Período:

Plataforma digital relacionada a Geografia da Saúde: um espaço de comunicação científica virtual

Martha Priscila Bezerra Pereira

Coordenador:

Aluno:

Cleverton Felipe Lúcio Fernandes Torres

Objetivo:

Elaborar uma plataforma digital relacionada à Geografia da Saúde como forma de comunicação científica virutal

Procedimentos metodológicos:

a) levantamento de referências; b) Organização da plataforma digital; c) Organização dos espaços para possíveis formas de comunicação científica virtual; d) implantação das informações dos Simpósios Nacionais de Geografia da Saúde e da Mostra Regional de Geografia da Saúde (um evento nacional e o outro local)

Principais resultados:

Em andamento

 

Título:

PIVIC

Modalidade:

2020/ 2021

Período:

Diferentes olhares da Geografia no Simpósio Nacional de Geografia da Saúde no período entre 2003 a 2019

Martha Priscila Bezerra Pereira

Coordenador:

Aluna:

Maria Adellaide Maciel Campos

Objetivo:

Analisar as diferentes abordagens da Geografia nos Simpósios Nacionais de Geografia da Saúde entre os anos de 2003 e 2019

Procedimentos metodológicos:

a) levantamento de referências; b) Levantamento documental; c) espacialização dos resultados

Principais resultados:

Em andamento

 

Título:

PIBIC

Modalidade:

2019/ 2020

Período:

Trajetórias epistemológicas da geografia: uma análise do conceito de território nos estudos agrários

Aline Barboza de Lima

Coordenador:

Aluno:

João Emerson Cunha Silva

Objetivo:

Analisar a aplicação do conceito de território nos estudos da geografia agrária brasileira

Procedimentos metodológicos:

a) revisão bibliográfica; b) revisão da literatura; c) análise documental.

Principais resultados:

Não publicado.

 

Título:

PIVIC

Modalidade:

2019/ 2020

Período:

Situação do Grupo de Pesquisa em Geografia da Saúde para Promoção da Saúde em relação aos grupos de pesquisa em Geografia e Saúde no Brasil

Martha Priscila Bezerra Pereira

Coordenador:

Aluno:

Emanuel Hiuri Xavier Pereira

Objetivo:

Analisar a posição do Grupo de Pesquisa em Geografia para Promoção da Saúde em relação a outros grupos da Geografia da Saúde e áreas afins no território brasileiro

Procedimentos metodológicos:

a) levantamento de referências; b) Levantamento na internet; c) espacialização dos grupos de pesquisa no Brasil e das redes do Pró-Saúde Geo; d) levantamento iconográfico e cartográfico; e) levantamento documental.

Principais resultados:

Em andamento

 

Título:

PIVIC

Modalidade:

2016/ 2017

Período:

Teorias aplicáveis à Geografia da Saúde: uma revisão da literatura.

Martha Priscila Bezerra Pereira

Coordenador:

Aluna:

Glaciane Maria da Silva Santos

Objetivo:

Analisar aplicações de teorias  para a Geografia da Saúde

Procedimentos metodológicos:

a) levantamento de referências; b) Levantamento na internet; c) levantamento sistemático de teorias; d) elaboração de um inventário.

Principais resultados:

Como resultados, a partir das leituras e levantamentos de algumas teorias foi possível conhecer as temáticas da Geografia da Saúde. O inventário foi eficaz para a avaliação das teorias. Neste primeiro momento, as teorias analisadas foram as relacionadas diretamente à Geografia da Saúde, contudo, serviu como piloto para estudo posteriores.

 

Título:

PIVIC

Modalidade:

2015/ 2016

Período:

Conhecimento geográfico aplicado aos roteiros de campo em Geografia  da Saúde no município de Campina Grande - PB

Martha Priscila Bezerra Pereira

Coordenador:

Aluno:

Ednaldo Soares de Lima

Objetivo:

Utilizar o conhecimento geográfico na definição de roteiros que possibilitem a visualização de elementos de promoção, prevenção e risco à saúde  no município de Campina Grande - PB.

Procedimentos metodológicos:

a) levantamento de referências; b) Levantamento documental; c) aplicação de formulários; d) trabalho de campo; e) elaboração de um banco de informações e; f) espacialização dos roteiros.

Principais resultados:

Além dos possíveis roteiros de campo, foi possível compreender a 'dinâmica' da cidade e, em que afeta ou ajuda a população às ações dos gestores. Também se pode compreender a importância desse trabalho para tomada de decisões, em apoio à sociedade e para o uso do conhecimento geográfico e científico.

Publicações relacionadas:

 

Título:

PIVIC

Modalidade:

2014/2015

Período:

Desafios e potencialidades do trabalho de campo nos cursos de Geografia em Instituições de Ensino Superior no Brasil

Martha Priscila Bezerra Pereira

Coordenador:

Aluna:

Maíra Suênia Cavalcante de Souza

Objetivo:

Entender os desafios e potencialidades do Trabalho de Campo em cursos de Graduação em Geografia em Instituições de Ensino Superior no Brasil

Procedimentos metodológicos:

a) levantamento de referências; b) Levantamento documental; c) aplicação de questionário via e-mail; d) elaboração de mapas  voltados para espacialização da situação das atividades de campo no âmbito do Ensino Superior.

Principais resultados:

Como principal resultado ficou evidente que os professores expressam suas ideias com relação ao trabalho de campo de forma genérica como mediadora entre a teoria e a prática no meio estudado.

 

Título:

PIBIC

Modalidade:

2013/ 2014

Período:

Conhecimento geográfico aplicado aos roteiros de campo em Geografia da Saúde no município de Campina Grande - PB e municípios circunvizinhos

Martha Priscila Bezerra Pereira

Coordenador:

Aluno:

Alexandro Bezerra da Silva

Objetivo:

Utilizar o conhecimento geográfico na definição de roteiros que possibilitem a visualização de elementos de promoção, prevenção e risco à saúde no município de Campina Grande  e municípios circunvizinhos

Procedimentos metodológicos:

a) levantamento de referências; b) Levantamento documental; c) aplicação de inquéritos; d) trabalho de campo; e) elaboração de um banco de informações e; f) espacialização dos roteiros.

Principais resultados:

Considera-se que o conhecimento geográfico é fundamental para visualização dos roteiros de campo identificando os elementos de prevenção, promoção e risco à saúde e a necessidade de novas pesquisas no âmbito da Geografia da Saúde

Publicações relacionadas:

 

Título:

PIVIC

Modalidade:

2012/ 2013

Período:

Desafios e potencialidades do trabalho de campo nos cursos de Geografia das Instituições de Ensino Superior na Paraíba

Martha Priscila Bezerra Pereira

Coordenador:

Aluna:

Polyanna Priscilla da Silva Xavier

Objetivo:

Entender os desafios e potencialidades do trabalho de campo em cursos de graduação em Geografia no Estado da Paraíba

Procedimentos metodológicos:

a) levantamento de referências; b) Levantamento documental; c) realização de entrevistas individuais; d) espacialização dos resultados.

Principais resultados:

A técnica do trabalho de campo nas universidades da Paraíba tem relatado problemas devido à burocracia, aliada a ausência de condições logísticas necessárias (diária para hospedagem dos alunos e professores e o financiamento da alimentação para os mesmos) para realizar o trabalho de campo tem impedido cada vez mais os professores de realizarem o trabalho de campo; a falta de planejamento no que diz respeito a ausência  do uso do método científico para sustentar o método de procedimento é outro fator que deve ser revisto. O método é de grande relevância para a consumação do trabalho de campo; enfatiza-se, portanto, que o trabalho de campo é uma metodologia que deve se perpetuar na Geografia. As análises do solo, a geomorfologia, a geologia, a biogeografia, elementos presentes no urbano, só podem ser entendidos quando ultrapassamos o conceito e partimos para a experiência. Essa relação não pode ser perdida, e para observar e explorar não podemos estar restritos aos limites da universidade.

Publicações relacionadas: